5 soluções para quarto do bebê

Veja ideias de organização para deixar o quarto do bebê em ordem e com tudo ao alcance, favorecendo o desenvolvimento e a imaginação do pequeno!

Está com dúvidas sobre a decoração do quarto do bebê? Separamos algumas dicas que podem te ajudar na escolha de elementos para essa composição. Confira!

1- Ergonomia perfeita

As arquitetas Anna Parisi e Paulina Morabito foram as responsáveis pelo projeto cheio de ideias para os pequenos. Grandes gavetões com rodízios foram inseridos na marcenaria, permitindo aos pequenos pegar os brinquedos sempre que quiserem. Os livros também ficam ao alcance das crianças. Já o tapete de EVA garante maior conforto na hora das brincadeiras.

2- Nichos e baú para quarto do bebê

As cores vibrantes são o destaque lúdico do quarto do bebê assinado pela Érica Salguero, para o próprio filho, Lorenzo. Os nichos organizam os brinquedos, enquanto a bancada, utilizada primeiramente como trocador, já foi pensada para no futuro ser usada como escrivaninha. A área embaixo do trocador reserva um segredo: um baú! Assim o cômodo ganhou mais espaço para organização.

3- Gavetas bem posicionadas

A arquiteta Anna Passini também foi responsável por este projeto supercriativo. Ponto de partida do quarto da menina, o grande tablado concentra cama com cercadinho, alçapão para brinquedos e acesso à estante. Abaixo dele estão a bicama, as gavetas e os nichos para brinquedos. Tudo de MDF laminado amadeirado Duratex Carvalho Hanover.

4- Peça versátil

A cômoda nunca cai de moda e é um dos itens mais comuns em quartos de bebês. Por que não investir então em um modelo atemporal, que possa acompanhar a criança durante todo o seu crescimento? Além da economia para o bolso, a saída ainda garante uma vida útil maior ao móvel, evitando descartes desnecessários. A natureza agradece!

5- Lugar perfeito para os livros

Projetado pela Oba!Arquitetura, o quarto com tema espacial traz ideias diferentes, como a cabeceira que cumpre ainda a função de revisteiro, com um nicho que possibilita a colocação de livrinhos e revistas. A madeira escolhida é também o freijó lavado, o mesmo padrão utilizado na cômoda. A marcenaria, com criação e execução do escritório, adéqua-se ao tamanho dos meninos e tem como prioridade a segurança: móveis com quinas arredondadas evitam acidentes.

Para ver mais dicas sobre elementos para o quarto do bebê, garanta sua Revista Decorar Mais por Menos!