Purificador de ar – Qual comprar? Guia com os 3 melhores!

Purificador de ar – Qual comprar? Guia com os 3 melhores!

A atenção para o purificador de ar doméstico está crescendo, ano após ano. E, com esta maior atenção, cresce também a oferta comercial de sistemas “inteligentes” de purificação do ar, hoje disponíveis a um preço barato e, acima de tudo, capazes de melhorar a qualidade de vida em casa.

Um purificador de ar nos permite melhorar a qualidade do ar que respiramos, capturando poeira fina, pólen, alérgenos, mofo e odores ruins. Mas o que exatamente são sistemas de purificação de nosso ar? E como escolher o melhor para sua casa? Leia com a gente e descubra!

O que é um purificador de ar e como ele funciona?

Purificador de ar
O que é um purificador de ar e como ele funciona?

Um purificador de ar é um dispositivo especial que faz exatamente o que seu nome indica. Seu objetivo é, na verdade, remover parte das impurezas presentes no ar, por meio – via de regra – de um complexo sistema de ventiladores e filtros, acompanhados de eventuais acessórios ionizadores ou emissão de radiação ultravioleta.

Muitos dos melhores ar condicionados e umidificadores e desumidificadores têm funções e filtros de purificação de ar.

O objetivo de tornar o ar que respiramos limpo em casa é alcançado com várias tecnologias, mais ou menos inovadoras: permitir que você aprenda mais e orientá-lo na escolha do melhor sistema do tipo para o seu apartamento ou residência. A seguir resumimos os elementos aos quais você deve prestar mais atenção!

Como escolher o melhor purificador de ar?

como escolher o melhor purificador de ar
Como escolher o melhor?

A seguir, desejamos resumir os principais critérios que você deve ter em mente se quiser escolher o melhor purificador de ar do mercado. Esses são os fatores que você precisa considerar antes de comprar um purificador para tornar bom o ar que você respira dentro das paredes de sua casa.

Filtros

Já antecipamos, algumas linhas atrás, como os filtros e ventiladores formam o “coração” do purificador de ar. Portanto, primeiro dê uma olhada nos tipos de filtros contidos no purificador que você está examinando.

Prefira os de maior qualidade, que também retêm alérgenos e bactérias com altas taxas de eficácia e que, além disso, ajudam a eliminar os maus odores (possivelmente, espalhando também no ar fragrâncias mais ou menos à sua escolha).

Um bom filtro também pode ajudar muito no gerenciamento de alergias causadas pelo pólen.

Lembre-se também de que geralmente os purificadores de ar da mais alta qualidade têm uma combinação de vários filtros e que cada um deles terá uma função específica. Portanto, observe atentamente este aspecto, verificando se os filtros estão presentes (e com quais características):

  • À prova de poeira: filtra as maiores partículas de ar, e auxilia os demais filtros evitando sobrecarregar suas funções com os resíduos mais volumosos;
  • Filtro HEPA: é a isso que os alérgicos devem prestar mais atenção, verificando que entre os filtros também está aquele com as palavras “Ar Particulado de Alta Eficiência (HEPA)”. Isso garante que o purificador seja capaz de filtrar partículas de até 0,3 mícrons de diâmetro, retendo bolores, ácaros, pólen;
  • Carvão ativado: útil por ser capaz de reter naturalmente as moléculas responsáveis pelos maus cheiros;
  • Catalisador: à base de dióxido de titânio, quando exposto aos raios ultravioletas pode produzir substâncias que podem matar compostos orgânicos como vírus e bactérias.

Ionizador

Outro elemento recorrente em um modelo doméstico é representado por ionizadores que, como o nome sugere, são dispositivos que podem produzir íons negativos se ligando às partículas de ar e as carregando eletricamente: eles são, assim, atraídos por uma superfície que, no nosso caso, consiste em um filtro carregado na direção oposta.

Combinados com os outros filtros, os ionizadores podem, portanto, ajudar a remover odores ruins e higienizar seu apartamento da melhor maneira possível.

Radiação ultravioleta

Outro componente tipicamente presente nos sistemas de purificação do ar doméstico é representado pelos raios UV com frequência C (UV-C), com ação germicida. Os raios UV-C são de fato capazes de matar fungos e vírus, separando as moléculas orgânicas do oxigênio: um filtro irá coletar os resíduos das partículas decompostas.

O consumo do purificador de ar

Purificador de ar
O consumo do eletrodoméstico

Uma vez que a faixa de características técnicas típicas dos purificadores sendo avaliada foi cuidadosamente observada, é aconselhável examinar seu consumo. Quanto os purificadores consomem de energia elétrica? E como você pode economizar?

As questões acima estão longe de serem desprezíveis. Na verdade, é sempre aconselhável lembrar como o purificador de ar costuma ficar ligado várias horas por dia ou a noite inteira: portanto, tentar controlar o consumo de energia e otimizá-lo será uma escolha inteligente para evitar o peso excessivo na conta.

No entanto, há boas notícias. Esses dispositivos geralmente não consomem muita energia e o consumo é modesto. A absorção de energia é de fato em torno de 30/40 W, embora não seja de forma alguma excluído – especialmente para sistemas mais complexos – que a absorção seja maior.

Resumindo: ao comprar um purificador de ar, preste atenção para se concentrar em um acessório que pertence a uma classe energética competitiva, mesmo que pretenda usar este aparelho por um curto período de tempo por dia.

Quantos cômodos ele pode purificar?

Mas quantos cômodos o purificador de ar pode “limpar”? Esta é outra das dúvidas mais comuns manifestadas por todas as pessoas que se aproximam desta classe de eletrodomésticos pela primeira vez.

Bem, a resposta é simples: depende! Cada purificador de ar tem uma taxa de fluxo diferente, ou seja, uma capacidade de amplitude diferente nas salas que é capaz de purificar.

Você encontrará, portanto, modelos que podem cobrir alguns metros quadrados, ou modelos muito mais válidos e potentes, com um alcance de 100 metros quadrados.

Para ter uma previsão aproximada da taxa de fluxo real do sistema de purificação de ar, você pode consultar a “Taxa de Entrega de Ar Limpo (CADR)”, que conforme o próprio nome indica, representa a taxa de produção de ar limpo, uma medida que indica quantos pés cúbicos são purificados em um minuto do aparelho.

Agora, considerando que cada pé cúbico corresponde a cerca de 0,3 metros cúbicos, você pode facilmente tentar fazer os cálculos ponderando a vazão do sistema para sua casa.

Mas atenção: considerando que o tabaco, os ácaros e o pólen têm tamanhos diferentes, no rótulo do aparelho você encontrará vazões distintas para cada uma dessas partículas.

Neste ponto, deve ser entendido que os purificadores de ar com CADRs mais altos terão taxas de fluxo mais altas e, portanto, podem ser capazes de purificar ambientes maiores. Por fim, tome cuidado para não confundir o CADR com o fluxo de ar, que indica quanto ar por minuto passa pelo sistema de filtragem do purificador.

O valor, portanto, não indica a taxa de fluxo, mas influencia o tempo que o aparelho levará para purificar completamente todo o ambiente. “Lido” junto com os dados da taxa de fluxo, o fluxo de ar permitirá que você entenda quantas salas o purificador será capaz de “tratar” e em quanto tempo.

O ruído

O purificador de ar faz barulho ou é silencioso? Mesmo para esta questão, em retrospectiva, não há uma resposta precisa: cada aparelho tem seu próprio limiar de ruído diferente, entendendo-se que em média este aparelho produz um zumbido bastante modesto. Os modelos barulhentos, no entanto, podem ser irritantes à noite.

Portanto, antes de comprar, é melhor dar uma olhada cuidadosa no nível de ruído técnico. Os modernos também possuem “modos noturnos” especiais que reduzem o desconforto acústico: é melhor aproveitá-los, principalmente se você tem sono leve!

As funções

Entre os principais critérios que podem orientar a compra de um purificador de ar, certamente estão às várias funções com as quais este aparelho pode funcionar. Resumimos os principais abaixo, convidando você a verificá-los no modelo que está pensando em comprar:

  • Níveis de intensidade: esta é uma das características comuns. Os diferentes níveis fornecidos pelo aparelho permitirão ajustar o desempenho do aparelho de acordo com as suas necessidades, buscando evitar desperdícios desnecessários de energia;
  • Modo noturno: ter um modo noturno permitirá reduzir um pouco o desempenho do purificador, reduzindo simultaneamente seu ruído e, portanto, melhorando seu descanso noturno;
  • Temporizador: a presença de um temporizador permite definir por quanto tempo deseja que o ar opere. Também pode definir os tempos de ligação e desligamento automáticos, buscando poder usufruir disso mesmo quando não está em casa;
  • Sensor de qualidade do ar: em modelos novos, você pode encontrar um sensor de qualidade que monitora o nível de partículas presentes. O sensor pode ser útil não apenas para ser capaz de entender a eficácia de nossas ações de purificação, mas também para escolher se e quando ativar o funcionamento do dispositivo (e em que nível), mesmo automaticamente;
  • Desumidificação: alguns aparelhos integram as funções já mencionadas através de uma opção de desumidificação, que além da purificação pode reduzir a umidade do mesmo, visto que os excessos favorecem a formação de mofo nas paredes.

Manutenção e acessórios

manutenção e acessórios
Manutenção e acessórios

O último critério que, em nossa opinião, deve nortear sua escolha, está relacionado à manutenção e acessórios. Quem iria querer comprar um bom purificador de ar se cada substituição custasse um valor maior do que o aparelho original? Provavelmente ninguém!

É por isso que aconselhamos que você pergunte sobre a disponibilidade e custo de peças de reposição.

Considerando que o sistema deverá contar com a troca periódica dos filtros, provavelmente a cada 3-6 meses, dependendo do nível de utilização deste acessório.

Do controle remoto à bandeja onde você pode derramar um simples café, tente entender quanto custam antes de abraçar com muita convicção um purificador excessivamente caro.

Como escolher o purificador de ar: vamos resumir!

Paralelamente ao exposto, vamos tentar resumir, em um miniguia de uso prático, quais devem ser os critérios que o levarão a escolher o melhor purificador de ar:

  • Tipos: que possuam filtro, eletrostático ou com gerador de ozônio. Existem muitos sistemas no mercado, mas recomendamos que você foque naqueles que têm um número maior de filtros, pois eles permitem que você prenda poeira, pólen, fumos e muito mais, sem emitir ozônio. Esse gás, além de certo nível, pode ser irritante;
  • Fluxo: algumas pessoas preferem comprar um único para toda a casa, outras um para cada cômodo. Procure equilibrar a relação entre a faixa e o preço, sem esquecer os outros critérios que tivemos a oportunidade de compartilhar com vocês acima;
  • Recursos adicionais: desumidificação, níveis de operação, temporizador, modo noturno. Esses são apenas alguns dos recursos adicionais que você poderia (ou deveria?) esperar de um bom purificador de ar. Portanto, tente entender quais são as melhores alternativas, começando pelo que você achar útil!

Os 3 melhores purificadores de ar

Purificador de ar
Os melhores purificadores

Usando como base os critérios acima, queremos compartilhar junto a você quais são, em nossa opinião, os melhores purificadores de ar do mercado. Leia abaixo uma pequena lista que contém os 3 melhores!

Purificador de ar LG

lg puricare 360º
LG PuriCare 360º

O purificador de ar LG é um dos muito procurados por quem busca um produto dessa linha, e também um dos que se destacam pela tecnologia, que possui diversas funções que merecem ser enaltecidas. O modelo que trouxemos hoje é o LG PuriCare 360º, que surpreende quem procura por bons purificadores, devido a todo o seu design e tecnologia.

Suas principais vantagens é seu filtro 360º, que purifica ambientes que possuem até mesmo 100m², em menos de 25 minutos. Possui uma tecnologia intitulada como Indicador Smart, que nos informa a qualidade do ar em até 4 cores diferentes, em tempo real. Além disso, é perfeito pra quem tem pets em casa, pois ele filtra ácaros, pelos e até mesmo bactérias que são soltas no ambientes pelo seu amiguinho de 4 patas.

Possui um modelo de 2 filtros, que custa cerca de R$5.399,00, de 1 filtro, que sai por R$3.899,00 e o PuriCare Mini, versão portátil que custa R$1.699,00.

Purificador de ar Electrolux

depurador de ar inox
Depurador de ar inox

Não existe um modelo específico de purificador de ar Electrolux, isso porque a empresa não trabalha nessa linha de eletrodoméstico, somente na linha de ar condicionado. O mais próximo que podemos chegar é no depurador de ar Electrolux, que pode ser usado em qualquer ambiente, mas é mais comum encontrá-lo em cozinhas, funcionando como uma espécie de coifa, mas possuindo o intuito da limpeza do ar sujo do cômodo, esse que geralmente é mais carregado por gorduras e outros componentes que podem fazer mal a sua saúde respiratória.

O modelo que trouxemos é um depurador de ar feito totalmente em inox, o que significa que você pode colocá-lo em cima de seu fogão sem medo de que o eletrodoméstico amarele ou enferruje. Possui um design mais moderno de linhas retas, o que facilita sua limpeza, por não ter cantos muito inacessíveis. Seu filtro lavável é feito de carvão ativado, o que confere maior limpeza no ar da cozinha. Seu preço sai por R$424,15 no site da Magazine Luiza.

Purificador de Ar Philco

Purificador de ar
Philco PPAR01BI Vírus Protect

Nosso terceiro eletrodoméstico da lista é o purificador de ar Philco, famosa empresa de elestrodomésticos que vende muito aqui no Brasil.

Estamos falando do Philco PPAR01BI Vírus Protect, que possui um preço mais acessível do que o LG, mas ainda sim confere qualidade ao seu ambiente. Possui 5 filtragens detalhadas que impedem a passagem de vírus e bactérias, além de uma purificação poderosa que gera íons negativos. Elimina odores, poeira, fumaça e partículas de pólen, tornando o ar altamente limpo em pouco tempo.

Além de portátil e prático para transportar em qualquer cômodo da casa, o Purificador de Ar PPAR01BI purifica ambientes extra grande de até 24m². Seu preço? No site oficial da Philco, ele sai por R$929,90 a unidade, bem mais em conta do que a opção oferecida pela Philco no início de nossa lista.

Deixe um comentário